• olímpicas Larissa e Talita avançam à semi na Polônia e garantem vaga as Jogos de 2016

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 28.08.2015 O Brasil tem suas primeiras representantes do vôlei de praia nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Larissa e Talita venceram seus jogos pelo Grand Slam da Polônia nesta sexta-feira (28.08) e chegaram à semifinal do torneio. Com a eliminação de Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) nas quartas de final, a dupla não poderá mais ser alcançada na corrida olímpica brasileira, ranking que define uma vaga em cada naipe. Com a vaga às semifinais, no pior dos cenários a capixaba e a sul-mato-grossense somariam mais 560 pontos na Polônia, atingindo 4.600. Como não disputaram o torneio de Stavanger, a dupla tem um descarte de zero ponto, e poderia repetir o descarte na etapa do Rio de Janeiro, mantendo no mínimo os mesmos 4.600 pontos. Já Ágatha e Bárbara Seixas (PR/RJ) podem alcançar no máximo 4.480 pontos (caso sejam campeãs no Open do Rio) até o final da temporada, contando o descarte de seus piores resultados. A corrida olímpica brasileira soma a pontuação obtida nos nove principais eventos do Circuito Mundial 2015 (cinco Grand Slams, três Major Series e Open do Rio). Os times descartarão os dois piores resultados ao longo da campanha. No masculino, Alison/Bruno Schmidt (ES/DF) e Evandro/Pedro Solberg (RJ) disputam a primeira vaga. As outras duas duplas de cada naipe que disputarão os Jogos de 2016 serão convocadas pela CBV em janeiro. O Gerente de Seleções de Vôlei de Praia da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Franco Neto, avalia como positiva a disputa pela vaga brasileira, que contou com ouro verde e amarelo em seis das sete etapas da corrida olímpica disputadas até aqui. "Temos a certeza de que a CBV proporcionou a melhor estrutura de apoio às duplas brasileiras. Inclusive elevando o nível e ritmo das nossas equipes, que se revezaram nas conquistas. Estamos vivendo uma excelente temporada com vitória nas principais etapas, pódio histórico no Campeonato Mundial, e trabalharemos também para terminarmos com o título da temporada do Circuito Mundial", disse Franco Neto, que completou. "A segunda etapa do projeto olímpico virá com a definição dos demais times. Já estamos trabalhando para oferecermos a melhor preparação aos Jogos Olímpicos às duplas. No caso da Larissa e Talita, iremos nos reunir, oferecendo a estrutura de treinos e apoio humano. Os times terão tempo para trabalhar o aspecto físico, técnico e mental. Que venham os Jogos Olímpicos. Estamos nos preparando a cada dia". A dupla chega com experiência de sobra em busca de medalhas no Rio de Janeiro. Esta será a terceira participação de Larissa nos Jogos Olímpicos. Em 2008, ao lado de Ana Paula (a então parceira Juliana sofreu uma lesão no joelho), a capixaba terminou na quinta colocação. Já em 2012, ao lado de Juliana, conquistou a medalha de bronze para o Brasil. Talita também tem duas edições no currículo: um quarto lugar ao lado de Renata, em 2008, e uma nona colocação ao lado de Maria Elisa, em 2012. "Era um objetivo, fizemos um projeto e nos planejamos para chegarmos aos Jogos Olímpicos. Acreditamos muito nisso, abdicamos de muita coisa. Sabíamos que não seria fácil, e realmente não foi, mas valeu a pena cada esforço e suor. O principal foi que cada uma respeitou o limite da outra e estivemos juntas. Agora o trabalho continua pensando em 2016", disse Talita. No caminho até a semifinal, Larissa e Talita (PA/AL) iniciaram o dia com triunfo em 33 minutos sobre as norte-americanas Jennifer Kessy e Emily Day, em 2 sets a 0 (21/13 e 21/13) pelas oitavas de final. Na sequência do dia, já pelas quartas de final, a parceria manteve seu voleibol afiado e venceu as canadenses Kristina Valjas e Jamie Lynn Broder por 2 sets a 0 (21/16 e 21/15), em 31 minutos. "Esse time do Canadá é forte, já o enfrentamos algumas vezes, mas é sempre importante estar ligada. A Talita deu aula nessa partida, eu fiquei só de coadjuvante, levantando. Essa vitória nos classifica para a semifinal e agora é força total para amanhã. É o penúltimo torneio (que conta pontos para a corrida olímpica), a gente está dando um gás em todos os jogos, e certamente serão dois jogos muito fortes", disse Larissa. Neste sábado, às 6h15 (horário de Brasília) as campeãs brasileiras enfrentam as holandesas Sophie van Gestel e Jantine van der Vlist por uma vaga na grande final - a quinta da parceria no circuito 2015. O duelo têm transmissão ao vivo do SporTV 2. As demais duplas brasileiras deram adeus ao torneio da Polônia nesta sexta-feira. Pela repescagem, Juliana e Maria Elisa (CE/PE) perderam para Jennifer Kessy e Emily Day por 2 sets a 1 (21/19, 15/21 e 15/13), em 33 minutos, enquanto Fernanda Berti e Taiana (RJ/CE) foram derrotadas por Zumkehr/Heidrich (19/21, 21/17 e 15/8), em 49 minutos. Nas oitavas de final, Ágatha e Bárbara Seixas venceram o confronto "caseiro" contra Maria Clara/Carolina por 2 sets a 0 (21/18 e 21/19), em 42 minutos. Na rodada seguinte, entretanto, as campeãs mundiais foram superadas pelas holandesas Madelein Meppelink e Marleen Van Iersel, também por 2 sets a 0 (21/17 e 24/22), em 43 minutos. Os times vencedores da etapa de Olsztyn nos dois gêneros somam 800 pontos no ranking do Circuito Mundial e garantem um prêmio de 57 mil dólares. Ao todo, 400 mil dólares são distribuídos aos atletas em cada um dois gêneros. Após a etapa, o tour segue para o Open do Rio de Janeiro, que será realizado de 2 a 6 de setembro, na Praia de Copacabana, com entrada franca ao público. VEJA A GALERIA DE FOTOS VEJA OS RESULTADOS DO DIA O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro. Read More
    Circuito Mundial
  • brigam por medalha Brasil avança com três duplas masculinas à fase eliminatória na Polônia

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 28.08.2015 O Brasil classificou três duplas do torneio masculino à fase eliminatória do Grand Slam de Olsztyn, realizado na Polônia. Na manhã desta sexta-feira (28.08), Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), Ricardo e Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) venceram seus jogos pela última rodada da fase de grupos e se garantiram na próxima fase da competição. Os campeões mundiais terminaram na liderança do grupo A e já estão nas oitavas de final, enquanto os outros dois times brasileiros ficaram em segundo nos seus grupos e terão que disputar a repescagem. As duas fases, assim como as quartas de final, acontecem neste sábado (28.08), com semifinais e disputas de medalha reservadas para domingo. Alison e Bruno Schmidt (ES/DF) venceram os canadenses Josh Binstock e Sam Schachter. por 2 sets a 0 (21/17 e 21/19), em 39 minutos, e avançaram diretamente às oitavas de final. Eles encaram os holandeses, que não terão que disputar a repescagem por conta da lesão dos adversários, os espanhóis Herrera e Gavira. Os campeões brasileiros Ricardo e Emanuel, também em dois sets diretos, venceram Jake Gibb e Casey Patterson (29/27 e 21/14), dos Estados Unidos, em 45 minutos. Na próxima fase eles enfrentam os atuais campeões dos Jogos Pan-Americanos, os mexicanos Juan Virgen e Lombardo Ontiveros, por vaga nas oitavas de final. É o primeiro encontro das duplas. "Brasil contra Estados Unidos é sempre um jogo muito bom. Houve provocações durante o jogo, gritamos bastante e conseguimos colocar muita força. O placar foi um bom resultado para a gente, saímos em segundo lugar na nossa chave", disse Emanuel após a partida. Desenvoltos na partida, Ricardo e Emanuel tiveram o apoio total da torcida e a tranquilidade necessária para fechar o jogo. "O mais importante foi a gente ter se divertido na partida. Os americanos tem essa característica de provocar o time adversário, mas isso nos deu tranquilidade para nos divertirmos. Nosso jogo fluiu, e tudo começou a dar certo, o saque, a defesa, os bloqueios. Acho que esse foi o diferencial, jogar em alto nível e ao mesmo tempo se divertir", analisou o baiano Ricardo após a vitória. Já os cariocas Evandro e Pedro Solberg superaram os italianos Paolo Nicolai e Daniele Lupo por 2 sets 0 (21/17 e 22/20), em 45 minutos. Eles enfrentarão na repescagem os vice-campeões mundiais Reinder Nummerdor e Christiaan Varenhorst. O encontro entre os dois times está empatado com uma vitória para cada lado. O time vencedor enfrenta nas oitavas os alemãs Erdmann/Matysik nas oitavas de final. Os times vencedores da etapa de Olsztyn nos dois gêneros somam 800 pontos no ranking do Circuito Mundial e garantem um prêmio de 57 mil dólares. Ao todo, 400 mil dólares são distribuídos aos atletas em cada um dois gêneros. Após a etapa, o tour segue para o Open do Rio de Janeiro, que será realizado de 2 a 6 de setembro, na Praia de Copacabana, com entrada franca ao público. VEJA A GALERIA DE FOTOS VEJA OS RESULTADOS DO DIA O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro. Read More
    Circuito Mundial
  • Classificados Gabarito/UNIPAC/FUTEL vence a segunda e vai para a semi

    Nesta sexta-feira (28.08) serão definidas as equipes que avançam às semifinais da Liga Nacional 2015. O CRB (AL) e o P M Castro (PR), já garantidos desde a quinta-feira (27.08), e se enfrentam em instantes para definirem a ordem do grupo A. Agora há pouco, o Gabarito/UNIPAC/FUTEL (MG) também conseguiu avançar com a vitória sobre o Montecristo (GO) por 3 sets a 0 (25/17, 25/17 e 25/20), em 1h20 de partida no ginásio FAV/V2, em Maceió. O capitão do time mineiro, o levantador Heitor, comentou o desempenho da equipe. “Não fizemos uma partida no nosso melhor. Desperdiçamos muitos contra-ataques. Mas buscamos nos superar e aproveitar as oportunidades. Esperamos evoluir no próximo jogo e chegar à final”, disse o atleta. Com a vitória do Gabarito/UNIPAC/FUTEL, o Vitória/FSBA (BA) também conseguiu ir adiante na competição, pois venceu o Montecristo na estreia, na última quarta-feira (26.08). As semifinais acontecem neste sábado, mas os confrontos ainda dependem do resultado do duelo entre CRB e P M Castro, daqui a pouco, às 20h. GALERIA DE FOTOS http://liganacional.cbv.com.br/index.php/fotos/item/59-maceio-al-28-08-15-liga-nacional-masculina TORNEIO MASCULINO CHAVE A : CRB (AL) – AA Nilton Lins (AM) – P M Castro (PR) CHAVE B: Montecristo (GO) – Gabarito/UNIPAC/FUTEL (MG) – Vitória/FSBA (BA) 1ª RODADA 26.08 (QUARTA-FEIRA) 16h – AA Nilton Lins (AM) 1x3 P M Castro (PR) (20/25, 26/24, 17/25 e 24/26) 20h – Vitória/FSBA (BA) 3x1 Montecristo (GO) (22/25, 25/21, 25/19 e 25/16) 2ª RODADA 27.08 (QUINTA-FEIRA) 16h – Gabarito/UNIPAC/FUTEL (MG) 3x0 Vitória/FSBA (BA) (25/15, 25/13 e 25/15) 20h – CRB (AL) 3x2 AA Nilton Lins (AM) (25/21, 25/20, 20/25, 16/25 e 15/11) 3ª RODADA 28.08 (SEXTA-FEIRA) 16h – Gabarito/UNIPAC/FUTEL (MG) 3x0 Montecristo (GO) (25/17, 25/17 e 25/20) 20h – CRB (AL) x P M Castro (PR) 4ª RODADA 29.08 (SÁBADO) 16h – Semifinal 1 – Gabarito/UNIPAC/FUTEL (GO) x 2º Colocado Chave “A” 20h – Semifinal 2 - 1º Colocado Chave “A” x Vitória/FSBA (BA) 5ª RODADA 30.08 (DOMINGO) 9h – Disputa do Bronze - Perdedor Semifinal 1 x Perdedor Semifinal 2 11h – Final - Vencedor Semifinal 1 x Vencedor Semifinal 2 Read More
    Quadra
  • Mundial Sub-23 Brasil decide classificação às semifinais com a Turquia

    A seleção brasileira masculina sub-23 decidirá uma vaga na semifinal do Mundial da categoria neste sábado (29.08), contra a Turquia. Nesta sexta-feira (28.08), em uma partida extremamente equilibrada, o Brasil foi superado pela Argentina por 3 sets a 2 (25/18, 25/18, 31/33, 23/25 e 15/13), em 2h16 de jogo, em Dubai, nos Emirados Árabes. Com o resultado, o time verde e amarelo precisa de uma vitória sobre os turcos por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1 para seguir na competição. Se conseguir o resultado positivo em quatro sets, a decisão será no saldo de pontos. O Brasil duelará contra a Turquia às 9h30 (horário de Brasília) deste sábado (29.08) na busca por um lugar entre as quatro melhores seleções. No Mundial Sub-23, as equipes se enfrentam dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores classificadas em cada chave passam às semifinais. O Brasil aparece em terceiro lugar no grupo B, com sete pontos. A Rússia lidera, com dez (quatro vitórias) e a Turquia aparece em segundo lugar, também com dez, mas com uma vitória a menos do que os russos. O oposto Alan foi o maior pontuador entre os brasileiros, com 22 acertos. Os ponteiros Douglas, com 19, e Kadu, com 17, também pontuaram bem para o time verde e amarelo. Pelo lado da Argentina, o atacante Pablo foi o maior pontuador, com 34 acertos. O treinador Rubinho comentou sobre a partida e elogiou a atuação dos argentinos. “Nós enfrentamos um time muito bom. Sempre fazemos jogos difíceis contra a Argentina. Eles melhoraram bastante e o jogo teve uma qualidade alta. Não conseguimos jogar como planejamos. Melhoramos no terceiro set e no quinto começamos bem, abrimos quatro pontos, mas cometemos erros em momentos importantes e perdemos oportunidades. Nós sabemos que podemos jogar melhor do que hoje”, disse Rubinho. O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, o oposto Wagner e o central Éder. O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro Read More
    Quadra
  • Na Briga Blumenau (SC) e CRB (AL) vencem e estão na disputa pelo título

    Nesta sexta-feira (28.08), a terceira rodada da fase final da Liga Nacional 2015 começou com a vitória do Blumenau V. C. (SC) por 3 sets a 1 sobre o Recanto da Criança (AM) (25/11, 25/10, 23/25 e 25/14), em 1h39 de jogo no ginásio FAV/V2. O time catarinense se recuperou da derrota no dia anterior e manteve as chances de brigar pelo título. No jogo, o representante da região Sul dominou as ações nos dois primeiros sets, mas não conseguiu repetir o bom momento na terceira parcial. Na volta para o quarto set o Blumenau voltou a impor o jogo sobre a equipe do Amazonas e alcançou o segundo resultado positivo na competição. “Tivemos um bom rendimento no início do jogo. No terceiro set fizemos uma modificação na equipe para dar mais rodagem à uma atleta mais jovem, mas acabamos não conseguindo aplicar as orientações do treinador. Encaramos o bloqueio e não conseguimos encaixar nosso saque. No quarto set nosso jogo encaixou novamente e conseguimos fechar o jogo”, disse a levantadora Sami do Blumenau. Completando as disputas femininas do dia, as donas da casa do CRB (AL), contaram com o apoio da torcida para vencer, de virada, o APROVEC Voleibol (GO) por 3 sets a 2 (11/25, 25/21, 25/14, 20/25 e 18/16), em 2h17. Com os dois times encontrando dificuldades em manter a regularidade, levou a melhor quem errou menos. “Não esperávamos uma partida de cinco sets. No primeiro set não conseguimos jogar bem e recuperamos nos dois seguintes. No quarto set tivemos outra baixa em nosso rendimento. Mas no tie-break demos às adversárias a oportunidade de errar. Hoje foi um passo muito importante para conseguirmos uma medalha e vamos seguir neste objetivo para melhorar a cada jogo”, declarou a central Jaíne, destaque do time anfitrião. Neste sábado (29.08), o Blumenau V. C. enfrenta o time da casa, o CRB (AL), às 18h. Já o time amazonense, já sem chances de medalhas, folga na rodada e retorna à quadra somente no Domingo (30.08). O APROVEC Voleibol mede forças com o Minas/Náutico (MG), que ficou de fora nesta sexta-feira. GALERIA DE FOTOS http://liganacional.cbv.com.br/index.php/fotos/item/57-maceio-al-28-08-15-liga-nacional-feminina TORNEIO FEMININO – GRUPO ÚNICO CRB (AL) – APROVEC Voleibol (GO) – Recanto da Criança (AM) – Minas/Náutico (MG) – Blumenau Vôlei Clube (SC) 1ª RODADA 26.08 (QUARTA-FEIRA) 14h – Blumenau Vôlei Clube (SC) 3x0 APROVEC Voleibol (GO) (25/14, 25/19 e 25/16) 18h – Recanto da Criança (AM) 0x3 Minas/Náutico (MG) (20/25, 15/25 e 15/25) 2ª RODADA 27.08 (QUINTA-FEIRA) 14h – Blumenau Vôlei Clube (SC) 0x3 Minas/Náutico (MG) (21/25, 21/25 e 14/25) 18h – CRB (AL) 3x0 Recanto da Criança (AM) (27/25, 25/13 e 25/22) 3ª RODADA 28.08 (SEXTA-FEIRA) 14h – Recanto da Criança (AM) 1x3 Blumenau Vôlei Clube (SC) (11/25, 10/25, 25/23 e 14/25) 18h – CRB (AL) 3x2 APROVEC Voleibol (GO) (11/25, 25/21, 25/14, 20/25 e 18/16) 4ª RODADA 29.08 (SÁBADO) 14h – Minas/Náutico (MG) x APROVEC Voleibol (GO) 18h – CRB (AL) x Blumenau Vôlei Clube (SC) 5ª RODADA 30.08 (DOMINGO) 13h – Recanto da Criança (AM) x APROVEC Voleibol (GO) 15h – CRB (AL) x Minas/Náutico (MG) Read More
    Quadra
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1
  • 1

Seleção Masculina

Vôlei Praia

Seleção Feminina

Vôlei Quadra